2017 é o ano da geolocalização - In Loco Media
+55 81 31270881 hi@inlocomedia.com
Shares

Você incluiu a geolocalização no seu planejamento de marketing mobile para 2017? Com esta avançada tecnologia, você é capaz de segmentar as suas campanhas de forma muito mais precisa.

O que é geolocalização?

A tão comentada tecnologia de geolocalização indoor funciona como uma espécie de GPS, só que muito mais preciso.

Enquanto o GPS não é capaz de identificar em qual lado da rua o smartphone está, a tecnologia de geolocalização indoor opera com uma taxa de acerto que varia entre um e três metros.

Além disso, essa avançada tecnologia funciona perfeitamente em locais fechados e consegue diferenciar em qual andar o smartphone está.

Por isso que a tecnologia de geolocalização indoor é amplamente adotada por varejistas que possuem pontos venda dentro de shopping centers.

“Por que eu devo incluir a geolocalização no meu planejamento de marketing mobile?”

geolocalização em 2017

Os lugares que frequentamos são capazes de revelar bastante sobre os nossos desejos, necessidades, hábitos e rotina. Logo, a tecnologia de localização indoor (que funciona em locais fechados) é a solução mais eficaz para decifrar o contexto do consumidor.

A partir do momento em que é possível impactar o consumidor no momento mais apropriado, a performance das campanhas é otimizada. Se coloque no lugar do seu público: você teria muito mais propensão a comprar um sorvete se recebesse um cupom de desconto no momento em que você estivesse passando perto de uma sorveteria.

2017 é o ano da geolocalização

geolocalização em 2017

É inegável que 2016 foi o ano do mobile. Para 2017, a expectativa é que este será o ano da geolocalização. Com os dados de geolocalização da audiência, as marcas são capazes de decifrar o contexto do consumidor.

Através do mobile, é possível se comunicar com o público em todos os momentos. Por isso, é importante que as marcas aprendam a filtrar as situações mais apropriadas para que a audiência seja impactada por um anúncio.

Dessa forma, os dois lados saem ganhando: o público recebe conteúdo relevante e as marcas potencializam a performance das suas campanhas mobile.

Como utilizar a geolocalização no marketing?

A tecnologia de geolocalização pode ser utilizada em diferentes nichos do mercado. No marketing, esta tecnologia é útil para entregar conteúdo relevante, cupons de desconto, promoções e anúncios personalizados de acordo com os hábitos de consumo da audiência.

Com a tecnologia de geolocalização é possível impactar o consumidor antes, durante e depois da compra. Os dispositivos mobiles são ferramentas de conveniência e o marketing baseado em geolocalização é útil para suprir esta necessidade.

Mostrar ao consumidor que o que ele quer e/ou precisa está a poucos metros de distância é uma ótima forma de apresentar a marca sem fazê-la parecer intrusiva.

A segmentação pode ser feita de três diferentes formas:

  • Consumidores que estão próximos dos pontos de venda;
  • Consumidores que estão dentro do ponto de venda;
  • Consumidores que já visitaram algum ponto de venda.

2017 é o ano da geolocalização

Ao impactar os consumidores que estão próximos de algum estabelecimento, as marcas ganham a chance de atraí-los para dentro do ponto de venda, aumentando as chances de fechamento da compra.

Ao impactar o público que já se encontra dentro do ponto de venda, o anunciante pode oferecer uma oportunidade imperdível de adquirir algum produto através de uma promoção ou cupom de desconto.

A vantagem de impactar os consumidores que já visitaram algum estabelecimento do anunciante é ter a certeza de que aquela audiência já conhece a marca. Assim, esta espécie de retargeting offline desempenha o papel de manter a marca na mente do consumidor.

Quer aprender mais sobre como aplicar a geolocalização na hora de segmentar as suas campanhas mobile? Baixe gratuitamente o nosso guia de como utilizar esta tecnologia na hora de atingir o público-alvo de forma assertiva.

Geolocalização em 2017

Curtiu?

Então compartilhe com seus amigos!